quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Tendências da New York Bridal Week Fall 2015: novidades e resumo da semana de moda

Tradicionalmente sempre presento a postagem sobre o resumo, destaques e tendências da New York Bridal Week. Desta vez é da coleção Fall 2015. Mais uma vez, a tendência dos vestidos de noiva continua abrangendo todos os tipos de gostos, assim como a moda feminina atual tem feito: os estilos variam entre a noiva clássica, passando pela moderna que quer inovações e a noiva boho chic, até chegar na noiva romântica e/ou estilo vintage/retrô que continuam com influência desde a medieval até Anos 70. As rendas continuam presentes com muita força, mas cada vez mais o cetim liso, brocados & bordados chegaram com mais força e dividiram as passarelas.

Outra novidade que chamou muito à atenção: cada vez mais os vestidos de noiva tomara que caia (cai-cai) perdem espaço nas passarelas. Claro reflexo de que muitas noivas estão a perceber que o modelo tomara que caia não fica bem para todas, além de não ser o modelo mais adequado para um casamento dentro de uma igreja.

Pontos que chamaram a atenção em especial:
1- o fim do "império" do tomara que caia (cai-cai) na maioria absoluta das coleções até Carolina HerreraOscar de la Renta e Vera Wang já aderiram;
2- o decote V frontal continua firme e forte em várias coleções (decote que favorece quem tem muito busto, as curvilíneas e as pluz-size), dentre algumas delas, Claire PettiboneNaeem Khan;
3- o "vestido calça de noiva", o "vestido shorts" , o vestido de noiva modelo top cropped de Rivini by Rita Vinieris, Delphine Manivet, Naeem Khan e Reem Acra são opções interessantes para casamentos simbólicos, civis ou ainda como "segundo vestido" - no caso dos shorts,  em casamentos na praia; 
4- a coleção de vestidos de noiva de Theia White com inspiração folk e étnica;
5- o predomínio de vestidos fluídos para noivas que ganham mais espaço em todas as coleções, com por exemplo, na de Reem Acra, Temperley e Delphine Manivet - sejam eles em modelo reto, sereia, evasé ou A, ou ainda império - vestidos estes que refletem o espírito da mulher atual: menos "princesa"  e sim mais adulta, mais "companheira" do futuro marido;
6- os vestidos de noiva curtos continuam praticamente em todas as coleções. A grife Marchesa apresentou mais de um. Naeem Khan trouxe vários. Acredito que vieram para ficar;
7- a influência dos Anos 50 continua alguns modelos de vestido de noiva, como na coleção de Oleg Cassini;
8- vestido de noiva de malha com cashmere da Theia White, crescimento do uso do cetim, como por exemplo na coleção de Dennis Basso para Kleinfeld e Badgley Mischka, e vestidos de noiva com estampa em pintura tipo aquarela de Elizabeth Filmore;
9- cores diferentes do branco, que no geral só Vera Wang apresentava nos desfiles, começam a aparecer mais frequentemente em outras coleções, dentre elas Theia White, Pamella Roland, Claire Pettibone e  Monique Lhuillier ;
10- Vestidos de noiva inspirados nos das famosas. O modelo de vestido de noiva de Amal Alamuddin veio em modelo "mais simplificado" na coleção de Oscar de la Renta e o vestido de noiva de Angelina Jolie inspirou um modelo da coleção Truly by Zac Posen

Algumas fotos:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários são muito bem-vindos!
Deixem as suas opiniões aqui. São os seus comentários que incentivam a postagem constante.
MUITO OBRIGADA PELA VISITA E VOLTEM SEMPRE!