Como Fazer a Lista de Convidados

Dicas de Como Montar a Lista de Convidados do Casamento



A lista de convidados é uma parte decisiva da organização de um casamento. É com ela que será possível se fazer a escolha do local da cerimônia e também da festa, uma vez que é preciso ser um espaço onde se possa receber todos os convidados de maneira adequada.




O primeiro passo é criar listas de convidados por categoria:
1- Família(s) próxima(s) dos noivos, ou seja, pais, avós, irmãos e respectivos(as) cônjuges;
2- Parentes dos noivos;
3- Amigos próximos dos noivos;
4- Amigos mais distantes;
5- Conhecidos e colegas de clubes, trabalho etc;
6- Amigos dos pais e avós dos noivos.

A partir desta listagem é possível se fazer um orçamento de um espaço de festas e um buffet para se saber os valores e se estão de acordo com as possibilidades financeiras de quem irá custear o casamento.

No geral, sempre haverá ausências. Principalmente os convidados de outras cidades ou até mesmo países, são os mais propensos a não comparecerem. Se forem os pais ou avós a pagar as despesas do casamento, os noivos não deverão cortar os amigos deles da lista. A não ser que os mesmos aceitem de muito bom grado.

Caso seja necessário cortar convidados, o melhor é eliminar um(os) grupo(s) inteiro(s), por exemplo, o grupo do local de trabalho, da faculdade ou da academia. Assim não haverá fofocas e ressentimentos. Em um momento propício, os noivos poderão convidar este grupo inteiro cortado para uma reunião, seja ela em um bar ou até mesmo uma festa open house no novo lar do casal.

Importante: não divulgue nada sobre o casamento e os detalhes em redes sociais. Envie e-mails, crie um site de casamento ou use mensagens privadas para isto, pois as pessoas que não foram convidadas, ao ver o convite, poderão se "sentir convidadas". E nunca coloque o convite de casamento afixado no mural de onde trabalha, pois isto significa que todos estarão convidados.

Outra dica importante: não se cobra dos convidados pagamento dos valores da festa de casamento. O tal "casamento por adesão". É falta de educação. Ninguém tem a obrigação moral ou jurídica de custear os gastos de uma festa de duas pessoas adultas que resolvem se casar. 

Jamais alguém se atreveria a tentar fazer isto aqui na Europa. Europeus são realistas e comedidos com gastos de festas. E mais bem educados no geral. Ou seja, os gastos com a festa serão proporcionais ao valor disponível na conta bancária de quem convida, os anfitriões, que são neste caso específico os noivos ou os pais dos noivos (caso sejam eles a pagar as despesas).

Se os noivos não podem fazer uma festa grande, então o ideal é que escolham uma celebração menor, ou algo mais econômico ou informal, e em último caso a recepção do tipo Bolo & Champagne. Ou então o ideal é que façam um destination wedding só com os padrinhos, as madrinhas e os pais na lista de convidados. Este casamento fora, poderá até mesmo ser realizado em algum local perto da cidade dos noivos, não precisa e não é obrigatório ser longe.



Nota: postagem atualizada em 26/09/2018.


Foto: reprodução

Compartilhe:

Postar um comentário

Site e Blog Noiva com Classe. Elegância e sofisticação ao alcance de todos. Tudo para casamentos. O blog da noiva elegante e inteligente. Todos os comentários são muito bem-vindos!
Deixem as suas opiniões aqui. São os seus comentários que incentivam a postagem constante.
MUITO OBRIGADA PELA VISITA E VOLTEM SEMPRE!

 
Política de Privacidade  |   Legal

Copyright © Noiva com Classe