segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Casamento na Dinamarca Clássico e Elegante - Tradições de Casamento na Dinamarca

Com muito orgulho apresento um casamento clássico e elegante na Dinamarca, principalmente porque sou casada com um dinamarquês e sempre visito o país ao qual já me afeiçoei. 

Belo casamento de Susanne e Bjarnes. O casamento foi realizado na Igreja Luterana da Dinamarca, que é a religião predominante do país. A seguir houve uma elegante recepção em restaurante. 


Ótimas cenas e tomadas com mescla de P&B e cores que conseguem mostrar um pouco do estilo de casamento dinamarquês que possui um estilo bem mais minimalista em comparação com o que se vê no Brasil. 

A decoração de casamento na Dinamarca é bem mais simples, menos flores e não há mesa de doces. Uma das razões é o preço alto, além é claro pelo gosto "enxuto" do less is more escandinavo. Sobre a questão do preço é só perguntar a qualquer dinamarquês e ele dirá o mesmo. E foi o que meu próprio marido me disse e os amigos dele também.

Casamentos europeus, pelo menos os do Norte da Europa, não têm mesas de doces como no Brasil. Só tem o bolo de casamento

E faz pouco tempo que virou moda nos Estados Unidos a mesa de doces com cupcakes ou cake-pops (aqueles bolinhos redondos com palito).

Alguns costumes dos casamentos na Dinamarca: durante a festa de casamento sempre tem o momento dos discursos. Uma das tradições é cortar a meia do noivo para que o noivo seja fiel à noiva, ou seja, não "saia procurando" outra mulher. 

Embora já tenha encontrado algumas pessoas que digam que é para o "chulé" do noivo afastá-lo de outras mulheres, um dos sites mais famosos de noivas da Dinamarca, o Bryllupskar, descreve a tradição do corte da meia na versão anterior (sair em busca de outra). A tradução foi feita pelo meu próprio marido - então não acredito que esteja errada.

Na Dinamarca, absolutamente em todos os casamentos, os noivos tem que dançar uma valsa como a primeira dança do casal

E não é qualquer uma: só pode ser a Brudenvalse do compositor dinamarquês Niel Gade (1817-1890)

Mais abaixo será possível ver um vídeo de casamento com a dança desta valsa.

Durante a Brudenvalse, os convidados formam um círculo em volta dos noivos e vão se aproximando deles, até que os noivos não consigam mais dançar.

Logo a seguir vem a tradição de cortar o véu da noiva, que claro simboliza a perda da virgindade, mas alguns também dizem que é para dar sorte e crianças chegarem logo ao novo lar.

Muitas noivas hoje em dia estão usando um segundo véu para ser destruído, já que querem guardar o véu usado na igreja.

Durante a recepção, quando os convidados batem os pés no chão, os noivos precisam entrar embaixo da mesa para se beijar e, quando batem os talheres nos pratos, os noivos precisam se beijar em cima de uma cadeira.

O estilo de casamentos da Dinamarca de certa maneira segue o estilo do design dinamarquês, que é conhecido por ser bem básico e minimalista. 

Este vídeo é um ótimo exemplo para quem gostar do estilo dinamarquês e quiser se inspirar. Acho que quem postou foi o próprio noivo e não sei quem filmou e editou.

Postado no Youtube por Bjarne Brøchner Vestergaard:



E agora o vídeo que mostra o príncipe Frederik da Dinamarca dançando com sua noiva, a princesa Mary, a famosa Brudenvalse

O mais legal do vídeo é ver que não houve ensaio do que iria acontecer e que quando os convidados se aproximam eles acabam até perdendo um pouco do equilíbrio.

Ou seja, tudo natural, sem querer fazer de um casamento um show, pois casamento não é palco. E vejam só que eles serão os futuros reis da Dinamarca. 

Vídeo postado por Jess Rulz's channel:



A postagem sobre a minha primeira dança tem dois vídeos com aúdio bem melhor da Brudevalsen para quem quer ouvir a melodia da valsa.


Vídeos: Youtube

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários são muito bem-vindos!
Deixem as suas opiniões aqui. São os seus comentários que incentivam a postagem constante.
MUITO OBRIGADA PELA VISITA E VOLTEM SEMPRE!