quarta-feira, 8 de maio de 2013

Mini-wedding: casamento íntimo/intimista - guia prático

Há inúmeras opções para se celebrar um casamento, dentra elas o mini-wedding ou casamento íntimo. O conceito já era muito comum no exterior, e agora vem ganhando força no Brasil. É o tipo de celebração ideal para os noivos que não querem, ou não podem, custear grandes festas com muitos convidados e superprodução.


O mini-wedding é um casamento com espírito intimista, sendo personalizado e customizado ao gosto dos noivos com facilidade. Costuma ser realizado em espaços aconchegantes. É um casamento pequeno, mas nem por isto deixa de ser caprichado e bonito, não deixa nada a desejar em comparação aos casamentos com grandes recepções. Uma das grandes vantagens é que os noivos conseguem dar mais atenção para os convidados e dependendo do estilo escolhido e o local é possível enxugar o orçamento do casamento em até 70%. 

O número ideal é de 50 convidados, mas até 100 convidados se considera um mini-wedding. Acima de 100 convidados já é um casamento normal. A cerimônia e a festa acontecem no mesmo local e alguns dos espaços ideais para se realizar este tipo de casamento são pequenos sítios ou fazendas, casas de praia ou de campo, restaurantes, bistrôs e antiquários ou até mesmo em casa se houver espaço suficiente. Pode ser da maneira que os noivos desejarem: cerimônia religiosa completa seguida por uma recepção, também ser somente uma benção religiosa e/ou uma celebração civil seguida de uma recepção. Mas nada impede que alguém se case em uma igreja e faça uma recepção no estilo mini-wedding em outro local.

Dentro do conceito do mini-wedding surge a ideia de se fazer uma festa com a cara dos noivos. Na decoração pode-se usar objetos pessoais como porta-retratos e outros objetos que relembrem a história do casal. Excelente opção para quem prefere um casamento no estilo semi-formal ou informal. O mini-wedding pode ser realizado tanto de dia como de noite. Pode ser um brunch, um almoço ao som de um piano ou um jantar com pista de dança, entre outras ideias. Os bolos descontruídos ou naked cake vão muito bem com o conceito do mini-wedding

Update:
Para ver ideias de modelos e decoração de bolos de casamento visite o post sobre o assunto.


COMO ENXUGAR O ORÇAMENTO DO CASAMENTO EM 70%
Opte por um mini-wedding em um restaurante. Assim os gastos com o buffet e aluguel de espaço caem bastante. Um casamento em casa com poucos convidados e um cardápio especial encarece o casamento.

Update:
Caso decida fazer um mini-wedding em casa consulte o post específico com todas as dicas.


A LISTA DE CONVIDADOS
Aqui será preciso toda a atenção. Como este tipo de casamento conta com no máximo 100 convidados será preciso enxugar a lista.

Dicas de como enxurgar a lista de convidados
1- Estipule o número máximo de convidados, divida pela metade para a família da noiva e do noivo e avise que não haverá exceções.
2- Os primeiros da lista: família próxima, os avós, pais e irmãos dos noivos com os respectivos cônjuges; amigos bem próximos/íntimos e pessoas com as quais se convivem diariamente;
3- Critério de seleção: pessoas que sejam importantes na vida dos noivos, que façam parte da história deles e que seriam convidadas para a casa deles em outras circunstâncias, ou seja, pessoas importantes e queridas.
4- Aproveite e escolha como padrinhos os amigos bem próximos: isto ajuda a enxugar a lista.
5- Caso tenha convidado crianças avise delicadamente os pais que não será permitida a entrada de babás, pois a lista de convidados teria que ser expandida. Assim os convidados com crianças poderão decidir se será mais conveniente levar as crianças ou se será melhor deixá-las em casa.

MAIS DICAS
"AUTOCONVIDADOS"
E se um algum conhecido perguntar sobre o casamento pedindo para ser convidado?
Não fique contrangido(a). Uma pessoa que "se autoconvida" está sendo mal educada.  Para esta situação a melhor resposta é simplesmente dizer que a cerimônia é simples e muito íntima e que só foram convidados os familiares mais próximos e amigos muito íntimos, e que você não pode abrir exceção para uma pessoa sem ter que abrir para várias outras. 

CARTÃO DE PARTICIPAÇÃO
Se os noivos quiserem seguir a etiqueta & boas maneiras podem e devem enviar um cartão de participação aos parentes e amigos que não foram convidados. Este cartão deve ser enviado após a cerimônia já ter sido realizada e comunica que a partir de tal data os noivos são pessoas casadas. 

OPEN HOUSE
Por final uma dica muito útil para quem tem um círculo social/profissional muito grande e que por razões de gosto pessoal, ou mesmo por razões econômicas, tenha optado por um mini-wedding e receia que alguns contatos profissionais/pessoais fiquem abalados em razão da exclusão da lista de convidados do casamento: cerca de um mês depois o casal poderá realizar uma festa open house bem informal e aí sim convidar pessoas que ficaram de fora da lista de casamento a conhecer a nova residência do casal. 


UPDATE:
Mini-weddings de famosos



Crédito da Foto:
divulgação e reprodução
Francyne Dagostini via Pinterest

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários são muito bem-vindos!
Deixem as suas opiniões aqui. São os seus comentários que incentivam a postagem constante.
MUITO OBRIGADA PELA VISITA E VOLTEM SEMPRE!